Back to top
© Casa da História Europeia, Bélgica

Cartaz ilustrado sobre o Caso Dreyfus, intitulado «História de um Traidor» - França, 1899

Em 1894, foi encontrado um documento que propunha a venda de segredos militares franceses à Alemanha. Este crime não podia ficar impune. Foi apressadamente aberto um processo contra Alfred Dreyfus, o único oficial judeu no Estado-Maior do Exército francês. Com base em documentos falsificados, num «dossiê secreto» e em «pareceres de peritos», Dreyfus foi considerado culpado de traição e foi condenado à destituição da sua patente militar e à deportação permanente. O Caso Dreyfus dividiu a França, fazendo emergir o antissemitismo latente e expondo os preconceitos suscetíveis de serem explorados do sistema judicial.